• RSS
  • As Viajantes no Facebook
  • Siga-nos no Twitter

Onde comer, beber e desfrutar do verão em Punta del Este

Jantar no El Secreto, um dos meus preferidos em Punta

Jantar no El Secreto, um dos meus preferidos em Punta

O réveillon em Punta Del Este tem fama de ser um dos mais animados da América Latina. A festa faz lotar os hotéis da região, que quadriplicam os preços das diárias imediatamente depois do Natal. A altíssima temporada no balneário uruguaio se estende até o fim de janeiro, e tem atraído cada vez mais turistas brasileiros. Aos que pretendem fazer uma visita ou apenas dar uma passada pela península num dos muitos cruzeiros que atracam nessa época do ano, aqui estão algumas dicas de onde comer e beber bem.

Leia também:
Na estrada do Rio ao Uruguai: como montar o seu roteiro e planejar sua viagem

A primeira recomendação é evitar estabelecimentos que se promovem junto aos turistas prometendo preços mais baratos. A qualidade não costuma ser tão boa, e a diferença na conta é pequena. Não tenha medo de restaurantes com um ar mais sofisticado. Como as refeições fora de casa são relativamente caras no Uruguai de qualquer maneira, você paga um pouco mais para comer muito melhor.

Em Punta, há grande oferta de parrillas, tábuas de frios e pescados. Como o mar é generoso na região, acho que vale dar preferência aos frutos do mar, sempre frescos. Para acompanhar, as cervejas uruguaias são uma boa pedida, mas a oportunidade é perfeita para experimentar os vinhos uruguaios. Durante o dia, sob sol forte, minha primeira opção é um vinho branco bem geladinho.

Os melhores mejillones a la provenzal, uma especialidade local, são frescos e vêm afogados no molho de vinho branco

Os melhores mejillones a la provenzal, uma especialidade local, são frescos e vêm afogados no molho de vinho branco

Um dos endereços mais sofisticados de Punta Del este, a Rambla General Artigas, que leva ao iate clube, tem bons restaurantes. Recomendo o Guappa, o El Secreto e o Virazón. Os três ficam um ao lado do outro, todos com qualidade razoável, embora eu tenha preferido o El Secreto. Durante o dia, vale a pena sentar nas mesas à beira mar, debaixo dos ombrellones. Os garçons atravessam a rua para servir os clientes. À noite, prefira as dependências internas para fugir do vento.

Outro ótimo lugar para jantar é o Napoleón, também na Rambla Artigas, mas já quase em frente ao porto. O atendimento é ótimo e, de quebra, você pode esticar nos bares logo ao lado. Tanto o Soho e quanto o Moby Dick enchem depois de 1h da madrugada, e o agito se estende até quase amanhecer. Assim como na Argentina, a noite de Punta começa tarde.

Do outro lado da península, recomendo o Miró, na Playa El Emir (Calle 20 y 27 Playa El Emir). O lugar é charmoso, perfeito para tomar um vinho branco à tarde, depois da praia. O ar condicionado é potente, mas também há ombrellones para quem preferir ficar junto à areia.

Nas avenidas mais agitadas da península, a Remanso e a Gorlero, há lugares mais baratos para lanches, como sanduíches e pizzas. Na Remanso, há uma filial grande da sorveteria argentina Freddo, logo no segundo ou no terceiro quarteirão. Na Gorlero, o turista encontra o indefectível McDonald’s entre as muitas lojas de souvenires.

As ruas perpendiculares a essas principais avenidas guardam outros restaurantes charmosos, que valem a pena serem explorados. Comi uma picada ótima (tábua de frios) em um café despretensioso, com cara de restaurante chinês, na calle El Corral.

Restaurante Leonardo Etxea, de comida basca, em Punta del Este

Restaurante Leonardo Etxea, de comida basca, em Punta del Este

Outra região com boas opções de restaurantes fica entre as ruas Joaquin Lenzina e Charrua, já perto da Playa Mansa. Um bom exemplo é o restaurante Leonardo Etxea, de cozinha basca. O lugar tem um quê de cozinha de autor, embora não seja exatamente alta gastronomia. O ambiente é agradável, e os pratos são caprichados. Fica quase na esquina da J. Lenzina com a Boulevard Artigas.

Mais longe do centro, em Manatiales, recomendo ainda o bar Cactus y Pescados para um refresco após um mergulho na Playa Bikini.

Personal Trip

About the Author

Nada de sombra e água fresca. Daniela gosta mesmo é de explorar o mundo, os países, as cidades por onde passa. Mal acabam as andanças das últimas férias e já começam os planos para o próximo destino.

Deixe uma resposta

Você pode usar estas tags xHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <blockquote cite=""> <code> <em> <strong>