• RSS
  • As Viajantes no Facebook
  • Siga-nos no Twitter

Estudando na Europa? Aproveite as brechas para conhecer os países vizinhos!

Voos low cost levam a Paris, cidade obrigatória

Voos low cost levam a Paris, cidade obrigatória

Estudantes que vão à Europa para um intercâmbio, especialização ou pós-graduação tendem a aproveitar a proximidade com tantos países para conhecer um pouco mais da cultura européia.

A nossa leitora Janaína, moradora de Piracicaba, São Paulo, não pensa fazer diferente. Ela escreveu para As Viajantes atrás de ajuda para curtir ao máximo o tempo que passará num intercâmbio em Londres. A leitora terá duas semanas de férias e alguns fins de semana de folga para explorar as redondezas. Seguem aqui as nossas sugestões.

VOOS LOW COST EM VEZ DE TRENS

Obrigada pelo e-mail, Janaína! Adoramos saber que você gostou do nosso blog. Espero que continue nos acompanhando.

Quanto às suas férias, qualquer que seja o seu destino, acho válido que tente faze-lo usando passagens aéreas de empresas low cost, em vez do tradicional passe de trem. Todas as vezes que pesquisei essa opção não saía tão em conta. Outra possibilidade é fazer trechos curtos de ônibus. Costumam ser mais baratos também.

GRANDES CIDADES MERECEM MAIS TEMPO

As muitas atrações e ruínas de Roma pedem mais tempo na cidade

As muitas atrações e ruínas de Roma pedem mais tempo na cidade

Caso você não se intimide com o inverno, vale a pena conhecer as grandes cidades européias, sobretudo as que você não conseguiria explorar direito nos fins de semana disponíveis. Sugiro Paris, Barcelona, Roma e Berlim (a viajante Renata manda dizer que é maravilhosa e muito barata!). Possivelmente nessa ordem (há voos low cost para essas rotas). Publicaremos em breve aqui no blog as dicas para cada uma dessas cidades, sendo que Berlim já está disponível.

COMO CHEGAR

Para viagens de fim de semana, você conta com uma vantagem razoável por ter Londres como base. Você consegue voos low cost para dezenas de cidades da Europa. Ryanair e Easyjet voam para os mais diferentes destinos. São tantos que não dá nem para enumerá-los aqui.

Como o tempo é curto, sugiro que tente embarcar às sextas à tarde e volte no primeiro horário de segunda. Assim você aproveita ao máximo cada destino. Os voos de 6h da manhã costumam ser mais baratos por motivos óbvios. Você precisa chegar muito cedo ao aeroporto (quase sempre secundário ou em cidades vizinhas), que normalmente fica a uma distância razoável do centro da cidade. Mas como você é jovem, deve estar cheia de disposição para aproveitar ao máximo os meses por lá. Essas empresas aéreas costumam manter linhas de ônibus (custam de 8 a 15 euros em média) ligando os aeroportos ao centro da cidade desejada, caso estejam mesmo distantes ou aparentemente isolados (caso de Girona, para voos a Barcelona).

Quanto mais cedo você reservar as passagens, mais barato pagará. Apresse-se!

HOSPEDAGEM

Barcelona é concorrida nos fins de semana

Barcelona é concorrida nos fins de semana

Também sugiro reservar o hostel com alguma antecedência, porque os jovens europeus têm o hábito de viajar por países vizinhos nos fins de semana, sobretudo para lugares onde há noitadas mais concorridas. Albergues de Amsterdã e Barcelona, por exemplo, ficam lotados. Como viaja sozinha, dê preferência a hostels filiados à rede Hostelling International. Como obedecem a alguns pré-requisitos, considero mais seguros. É mais difícil que você caia em alguma roubada.

Quartos compartilhados são mais indicados para economizar, até porque você só vai precisar da sua cama na hora de dormir. Leve um cadeado por segurança (embora em alguns hostels o uso de cadeado seja gratuito. Você só precisa deixar um depósito que é devolvido na saída), um jogo de lençol fininho e uma toalha pequena, assim você evita ter que pagar um ou dois euros por esses serviços em alguns lugares.

Amsterdã também é ponto de encontro de jovens europeus de sexta a domingo

Amsterdã também é ponto de encontro de jovens europeus de sexta a domingo

FAZENDO A MALA

À essa época do ano, estará bastante frio onde quer que você vá. Mas não deixe que isso inflacione a sua bagagem, até porque cada mala embarcada é cobrada nos voos low cost e ainda por cima com limite de peso. Como as viagens serão curtas, capriche no casaco de cima e faça a mochila apenas com roupas de baixo, que são mais leves, mas não menos quentes. Uma bota bonita e confortável (que você pode já ir calçada e ainda serve também pra sair à noite) ou um tênis (se você é mais esportiva e prefere as andanças), acompanhado de um chinelinho pra hora do banho no hostel estão de bom tamanho. Se conseguir esse desapego, é possível que você só tenha a bagagem de mão (opção mais econômica nos voos).

FIM DE SEMANA

Veneza é perfeita para um fim de semana inesquecível

Veneza é perfeita para um fim de semana inesquecível

Acho um fim de semana o tempo ideal para conhecer Dublin, Veneza e Amsterdã. Eu indicaria também cidades do Leste Europeu, que venho pesquisando para a minha próxima viagem. Algumas são bem pequenas, como Bratislava, outras um pouco maiores, como Budapeste, mas só terei certeza se são imperdíveis daqui a dois meses. Talvez você descubra antes de mim. 😉

TARDES LONDRINAS

Quanto às suas tardes livres durante a semana de estudo, aproveite para explorar a cidade de Londres mesmo. Há muito o que ver e fazer. Já que não dispõe de muito dinheiro, vá a todos os museus. Programa imperdível (sobretudo no frio) e totalmente gratuito! Além dos tradicionais que você encontra no nosso post sobre Londres, há ainda museus sobre moda, guerra, ciências, brinquedos, esportes, etc.

Boa viagem!

Para imprimir este post, clique aqui.

Personal Trip

About the Author

Nada de sombra e água fresca. Daniela gosta mesmo é de explorar o mundo, os países, as cidades por onde passa. Mal acabam as andanças das últimas férias e já começam os planos para o próximo destino.

4 Respostas para “ Estudando na Europa? Aproveite as brechas para conhecer os países vizinhos! ”

  1. Oi, Elisângela. A Janaína é uma leitora, quem escreveu o post foi a Dani (que atualmente está viajando). Recomendo você entrar nos sites http://www.flylowcostairlines.org, http://www.rumbo.com ou http://www.trabber.com para buscas gerais de passagens. Você também pode buscar diretamente nas páginas web das companhias low cost mais famosas como a Ryanair, a Easyjet ou a Vueling. Procurar voos baratos é um garimpo, tem que ter paciência e olhar vários sites para comparar os preços. O bom daqueles sites gerais é que você acaba descobrindo novas companhias low cost. Boa sorte e beijo das Viajantes.

  2. Ola Janaina queria saber se tem algum site como faço para achar essas passagens low cost que vc comentou acima
    fico aguardando obrigada
    Elisangela

  3. Uma ótima dica pra hospedagem são as “guests house”, hj, pelo que pesquisei, as “bed and breakfast” já estão mais divulgadas e são mais caras, além disso, dificilmente disponibilizam a cozinha e comer fora em muitas dessas cidades pode ser caro. Como não consigo viver a base de sandubas, preciso ao menos de um microondas.

    Se vc viaja sozinho, guests house pode não ser uma boa e os albergues em quarto multiplos costumam ter preços baixos. Para casais q querem a privacidade de um quarto privado, tem saído mais barato que os albergues. Para grupos, então, vc consegue fechar um studio ou até uma casa com piscina! E tb pagando menos que nos albergues! Vale pesquisar!

  4. Essa primeira foto é de tirar o fôlego…

Deixe uma resposta

Você pode usar estas tags xHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <blockquote cite=""> <code> <em> <strong>