• RSS
  • As Viajantes no Facebook
  • Siga-nos no Twitter

Santiago: um roteiro rápido pela capital do Chile

Santiago é uma cidade bem aprazível, limpa, organizada, com pessoas solícitas pra te receber. De toda forma, não é preciso ficar muito tempo lá para conhecer o basicão, três ou quatro dias estão de bom tamanho. Se o tempo for curto, dá pra tirar um dia só para o litoral – mas isso vai ser outro post. Aí embaixo, segue um ponto a ponto de lugares turísticos e como chegar de metrô.


Cerro San Cristobal – De lá, tem-se o panorama de toda a cidade. Tem teleférico e dá pra ver Santiago, que é um vale, inteiro, além de uma visão panorâmica da cordilheira. Lá embaixo é o Barrio Bella Vista, onde tem uma rua agitada e a La Chascana, a casa do Pablo Neruda em Santiago, que também vale a visita. Estação metrô: Universidad católica.

Centro Cultural Mapuche – É o CCBB de lá. Costuma ter exposições interessantes. Fica perto do Mercado Central, é o mercado público da cidade e vende desde vinhos a especiarias. Só cuidado pra não se deixar seduzir pelos dois principais restaurantes de lá que são MUITO caros, mais caros q os restaurantes chiques de lá. Mas se rodar, acha algo mais barato e algum ceviche pra comer. Só pra informação cultural, Mapuche é a principal tribo indígena do Chile. Para ir pra mercado central a estação do metrô é Cal y Canto.

Museu Nacional de Bellas Artes – Fica em frente a um campo enorme e bem bonito e lembra o do Rio pela arquitetura. Se tiverem tempo e vontade de aproveitar um roteiro cultural, vale a pena. Estação do metrô: Bellas Artes – linha 5.

Chile-MMuseu de Artes Contemporânea – É bem perto do MNBA, indo em um, não deixe de passar no outro. Estação do metrô: Bellas Artes –  linha 5.

Palácio La Moneda – É a sede do governo. Em uma das vezes que fui, fomos andando por uma rua de pedestres, tipo a Calle Florida de Buenos Aires, até a Plaza de Armas. Mas não me lembro se era longe ou não, porque a gente foi numa de turistão, ir conhecendo, caminhando, sem pressa. Valeu a pena. A estação do metrô é La Moneda mesmo.

Plaza de Armas – é uma praça histórica, representa mais ou menos a Praça XV, é rodeada de prédios históricos bacanas, tem uma catedral e umas outras construções que funcionavem coisas importantes na colonização. Estação do metrô: Plaza de Armas. – linha 5.

Café com saias – Tem um bar, que não sei o nome porque não fui, que tem o famoso café com saias. Fica na parte antiga da cidade e as garçonetes servem as mesas de minissaia.

NOITE: Tem uma rua no Barrio Bella Vista que é cheia de barzinhos com mesas na calçada, um clima boemia lapa – mas de chileno, claro. Tem uma outra rua badalada, chamada Calle Suécia. Fica lotada tem pubs e boates de todos os gostos, mas acho meio playboyzada demais, com o agravante de os garçons quererem te levar a todo custo pra dentro do estabelecimento deles. Mas, com isso, às vezes, dá pra ganhar uns drinks grátis.

Para imprimir este post, clique aqui.

Leia também: Dicas do Chile, Ski no Chile, Deserto do Atacama e o Mar de Neruda

Personal Trip

About the Author

De moto, barco, carro, avião, trem ou ônibus, para Alícia o importante é viajar, conhecer lugares novos, sem deixar de desbravar o Brasil.

5 Respostas para “ Santiago: um roteiro rápido pela capital do Chile ”

  1. Oi Regina,
    Você consegue ver a cordilheira dos dois lados. Mas, na hora da aterrissagem, a cordilheira e a cidade ficam à esquerda da aeronave.
    bjo

  2. Alicia, esse blog é show! Vem cá, você sabe me dizer de qual lado do avião é melhor sentar para ver a Cordilheira dos Andes de cima para quem vai a Santiago? Obrigada! Beijo! Regina

  3. Você está certíssima, Rafa! Já consertei lá.
    ‘brigadinha
    bjos

  4. Olá,

    Estive em Santiago mês passado e adorei a cidade. Passei dez dias(e teria passado bem mais). Porém ao ler este post percebi que tem um equívoco já na primeira parada do roteiro: o que foi relatado como Cerro Santa Lucía e na verdade o Cerro San Cristobal. O Cerro Santa Lucía, por sua vez, fica no centro de Santigo e contem um forte de onde se tem uma bela vista de Santiago (mas tem que subir a pé).
    Fonte: http://es.wikipedia.org/wiki/Cerro_Santa_Luc%C3%ADa

    Beijão

  5. Echo de menos a esta ciudad!! Adorei as dicas, super roteiro!

Deixe uma resposta

Você pode usar estas tags xHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <blockquote cite=""> <code> <em> <strong>