• RSS
  • As Viajantes no Facebook
  • Siga-nos no Twitter

San Andrés, o Caribe além dos resorts

O paraíso

San Andrés entrou no meu roteiro por acaso. Eu tinha 10 dias para a Colômbia que complementaria a viagem ao norte do Peru. Cartagenas e Bogotá já estavam garantidas e San Andrés foi escolhida como terceiro destino logo que olhamos as primeiras fotos na internet.

San Andrés é um pequena ilhota colombiana no meio do azul do Caribe. O lugar está a cinco horas de viagem de Cartagenas e estaria a poucos minutos se os voos saíssem da Nicarágua. Segundo os moradores, os dois países brigaram pela ilha, mas os colombianos levaram a melhor.

Sem a ditadura dos resorts que costuma reinar na maioria das ilhas do Caribe, San Andrés se tornou um destino perfeito pra mochileiros e outras pessoas que não curtem pagar os caríssimos all inclusives. Comida barata, hospedagem razoável, passeios que cabem no bolso e uma ilha livre de impostos. Isso mesmo, além de linda, San Andrés é duty free.

CHEGANDO AO PARAÍSO

Se chega em San Andrés de avião. Por integrar a rota das drogas que deixam a Colômbia rumo aos EUA, o controle em San Andrés é suuuper rígido. Você terá que abrir toda a sua mala quando deixar Cartagenas e também quando pisar em San Andrés. E abrir a mala não significa uma inspeção superficial como se costuma fazer, esteja preparado para policiais revirando seu saco de roupa suja, mexendo nos bolsos dos seus casacos e até desdobrando suas meias. Agora imagine quatro pessoas fazendo isso com todos os passageiros que chegam. Se você pensou numa fila imensa, bingo! É preciso paciência e saber que vai se gastar muito tempo na chegada.

A ILHA

Pra que praia?

A ilha toda tem apenas 27 km² (e ainda é maior do que a vizinha Providencia) mas não se engane com o pequeno tamanho. Ao chegar você se apaixona pelas paisagens paradisíacas e tem certeza de que poderia passar a vida naquelas praias. Nós ficamos apenas três dias, o que definitivamente não foi suficiente. San Andrés tem duas partes habitadas. O centro da cidade, que fica bem pertinho do aeroporto e o bairro de San Luis, a uns dez minutos – no máximo – de carro. Um dos grandes baratos da ilha (que a gente acabou não fazendo porque não conseguíamos sair debaixo d`água , literalmente) é alugar um daqueles carrinhos de golf e dar a volta na ilha. Em dezenas de lojas do centro você encontra essa possibilidade, que está ao alcance mesmo de quem não tem carteira de motorista. Optando ou não pelo passeio não deixe de reparar que grande parte das construções antigas tem influência inglesa. Algumas vezes é como se a gente estivesse na Inglaterra de séculos atrás. Lá você vai se virar bem com o espanhol, com o inglês e até italiano – já que o lugar é invadido por eles na alta temporada – mas não se assuste se ouvir uma conversa em que você só entenda metade das palavras, é o creole. Língua na qual os moradores preferem se comunicar.

HOSPEDAGEM

Descanso

Ir para uma ilha sem reservar hospedagem não me parece nunca uma boa ideia. Apesar de ter uma boa rede hoteleira, San Andrés costuma lotar na alta temporada, então se essa é a época em que você pretende viajar é bom sair daqui com tudo reservado – isso também será exigido quando você passar na operação pente fino do aeroporto. O centro da cidade é o lugar com mais opções e mais bem localizado. Nós ficamos em San Luís, o que só não foi pior porque nós estávamos em quatro e podíamos dividir o táxi diário sem grandes traumas. Nossa morada foi o Cocoplum Hotel que pela internet parecia saído de um comercial de cartão de crédito. Esqueça! A vista é sensacional mas problema era o que estava da janela pra dentro. Quartos antigos, problemas no chuveiro, um staff mal educado e um preço que devia incluir cada grosseira na conta. O restaurante também era ruim e o café da manhã embora tivesse cara de cortesia (só pão, manteiga e fruta, afinal estamos no Caribe) era cobrado. No centro você vai encontrar hotéis melhores e mais baratos. E para quem não consegue imaginar o Caribe sem um resort e seus all inclusive a dica é o Decameron, que foi aprovado por amigos que estiveram lá depois.

SAN ANDRÉ É LINDA POR CIMA, MAS NADA SUPERA O QUE ESTÁ EMBAIXO

Olhos abertos, boca fechada

Mergulho! Isso foi pra mim a melhor coisa de San Andrés. Água com uma temperatura de 28 graus, calmas, com bastante vida e uma visibilidade que superou os 40 metros. A ilha é um paraíso para mergulhadores. E também para aqueles que estão iniciando  e – com condições tão favoráveis – têm grandes chances de se apaixonar pelo esporte. Foi debaixo d`água que nós passamos grande parte do nosso tempo em San Andrés. Estávamos em um grupo com um mergulhador avançado, um básico e duas pessoas que nunca tinham colocado uma garrafa nas costas. E San Andrés deixou todos muito impressionados. Barreiras de corais, naufrágios e um berçário de arraias fizeram parte do nosso itinerário. PADI, PDIC e NAUI são super bem aceitos lá. A dica é a operadora Buzos del Caribe, que é beem menor do que as vizinhas, mas que ofereceu um dos melhores serviços de mergulho que eu já experimentei. Equipamentos novos e instrutores muito atenciosos aos novatos que estavam fazendo batismo. Além disso, eles foram nos buscar no hotel e fizeram questão de fazer roteiros e escolher pontos longe da muvuca de mergulhadores. E tem preços imbatíveis.

E NAS HORAS VAGAS…
Mas San Andrés também é perfeita para quem não pode nem pensar em ficar no fundo do mar com litros e litros de água em cima da cabeça.

De barco para todo lado

Jonhy Cay é o passeio obrigatório. É uma ilha de areia que fica bem em frente ao centro da cidade. Chegando lá você senta numa barraquinha, bebe aqueles drinks servidos no abacaxi – ou uma cerveja, se preferir – e rodeado por aquele mar azul turquesa do Caribe passa horas se perguntando por que você não faz apenas aquilo da vida. Quando estiver cansado de não fazer nada, você dá uma volta na ilha, descobre uns bichos super estranhos que vivem do outro lado da praia e se assusta com a quantidade de siris andando de um lado pro outro. Os passeios de barco pra Jonhy Cay saem do cais bem no centro da cidade. Muitos são combinados com um passeio ao Aquário, onde você pode fazer snorkel também.

Outro passeio que sai do cais é até a Piscinita, que fica ao sul da ilha. O lugar tem a água mais clara que eu já vi e cardumes que podem ser vistos do barco mesmo. É um ponto de mergulho mas é incrível também pra quem curte apenas snorkel. Quando estiver cansado dessa vida azul você senta num restaurante – alguns ficam no meio do mar mesmo – e come uma coisinha.

Rock Cay

Se você vai se hospedar no centro vale uma visita até San Luis para ver a Rock Cay. No lugar está um barco – ou o que sobrou dele – encalhado numa ilha de areia, beeem pertinho da costa. Dependendo da maré dá pra ir andando pelo banco de areia que se forma. Chegando lá, é o barco imenso e a pequena ilhota, uma visão bem impressionante. Contam os moradores que antigas gerações  mergulharam ali – e próximo a outros naufrágios – em busca de tesouros dos piratas que atacavam nessa região. Mas o que mais me impressionou foi um grupo de pessoas que cozinhavam lá. Descobrimos que são locais que tiveram uma ótima ideia pra ganhar a vida: oferecer jantares numa ilha deserta! Isso mesmo, eles têm uma cabana super improvisada e você pode reservar um jantar. É preciso fazê-lo com pelo menos vinte e quatro horas de antecedência porque de manhã eles saem pra pescar a lagosta e o peixe, que são cozinhados na folha de bananeira. A coisa acontece sem luxo, afinal não é um restaurante mas uma cabana no meio da praia mesmo. Não espere talheres mas eles prometem caprichar na decoração rústica e também privacidade (afinal quem vai mergulhar no mar à noite pra chegar uma ilhota de areia se não tiver um jantar reservado?) O traje é biquíni, claro, afinal não tem transfer, você precisa ir andando, ou nadando, mesmo. A gente não conseguiu usufruir do programa, culpa dos poucos dias planejados, e isso foi motivo de arrependimento.

E se você alugar o tal carrinho de golf vai poder parar em uma praia deserta atrás da outra. Pra fazer nada. E precisa mais?


COMENDO

Eu sou super fã da comida colombiana. Entre os nossos vizinhos eu acho que eles só perdem pra gente quando o assunto é cozinha. Quem gosta de coco na comida vai se deliciar na Colômbia. San Andrés tem ainda uma influencia caribenha que deixa os pratos um pouco mais picantes. A pedida, é claro, são os frutos do mar. Mas a ilha tem também um montão de restaurantes com comida internacional. Nossa melhor experiência foi em um tailandês bem perto do cais, a melhor comida tailandesa da minha vida. E pra fechar o ciclo de boas notícias tem o preço: são super em conta.

Férias das férias


COMPRAS, COMPRAS, COMPRAS!!

Sabe aquela vontade louca de comprar tudo quando você chega no Free Shopping? Aquela coisa de esquecer o cansaço de horas de viagem, de não se importar com a pessoa que já está esperando você há horas no saguão porque aquele perfume, aquela maquiagem ou aquele whisky estão com preços incríveis? Imagine poder fazer essas compras o dia inteiro? Isso é San Andrés. A ilha é completamente livre de impostos e as coisas têm aqueles preços que a gente só costuma ver nos aeroportos (ou nos EUA). Se você for um consumista nato vai se pegar comprando até M&M nas lojas que tem o mesmo aspecto das dos aeroportos. Mas se você conseguir resistir aos eletrônicos, tênis e roupas certamente vai acabar se rendendo a um vinho para beber na orla junto com um por do sol lindo de morrer.

Clique aqui para imprimir este post.

Personal Trip

About the Author

Destinos exóticos e desconhecidos. É em lugares assim que Reba prefere passar as férias. Isso deve ser uma desculpa para poder passar os outros 11 meses do ano planejando a viagem.

69 Respostas para “ San Andrés, o Caribe além dos resorts ”

  1. Olá
    belo post.
    Estou pensando em ir para la com minha família,
    E tenho um filho de 2 anos,acha que da para ir para la com uma criança desta idade?
    Quais passeios você me aconselha a fazer la?

  2. Iremos no carnaval 2015, decameron aquarios, qual o cambio dolar/COP e
    Real/COP, nos bares, restaurantes, lanchas,carrinho golf, é praticado ?

  3. Olá estou em dúvidas… Vou passar minha lua de mel em san andrs em dezembro/2014. Que roupas eu levo?
    Vou levar meu vestido de noiva e tirar umas fotos lá, com fotógrafos. Bjs

  4. Oi Reba tenho uma dúvida, o quanto em valor é possível compara na ilha, não terei problema no embarque da volta?

  5. Oi Catarina,
    Eu fiquei longe do Centro. A nossa opção foi o Cocoplum que fica um pouco mais afastado.
    beijos

  6. Pode indicar um hotel bacana no centro, limpo e comfortavel..Valeu…

  7. Ola , Amei as dicas , irei passar minha lua de mel em Setembro de 2014 em San Andres, vc acha que é uma época ruim????

  8. Oi Emily,
    Lá é um esquema free shopping. Bom pra eletrônicos, bebidas, óculos, perfumes e maquiagem, por exemplo. Mas se vc está acostumada com os grandes outlets americanos pode se decepcionar um pouco. Não há tanta variedade nas marcas não, ao menos se vc comparar com os paraísos americanos de compras.
    beijos

  9. Olá… vou para San Andres agora em abril, e particularmente não gosto muito de mergulho (eu sei que parece loucura ir para lá sem pensar em mergulhar, mas meu marido amaaaa…rs)… mas adoro compras… Assim, você saberia me dizer quais marcas de roupas, bolsas, óculos e etc…encontro disponíveis para compra por lá?

    Obrigada!

  10. Oi Giuliana e José Carlos,
    Primeiro, parabéns pelo casório! Se vocês gostam de praia eu acho que vocês acertaram na escolha da lua de mel. San Andrés é deslumbrante! Eu não conheço esse hotel mas se vocês estão em busca de algum agito de noite de restaurantes é bom ter certeza de que ele fica no centro. Lá é possível encontrar alguma balada. Eu confesso que fui em grupo e a gente optou por ficar bebendo em bares.
    Eu me senti muito segura por lá. Mesmo de madrugada.
    Beijos e boa viagem!

  11. Oi Reba.
    Estou planejando minha lua de mel para abril e vamos para San Andres. Parece fantástica a ilha! Ficaremos 5 noites.
    Conhece ou sabe algo sobre o hotel SOL CARIBE SAN ANDRES?
    Estamos pensando em nos hospedarmos la.
    Pelo que vi, posso levar dolares americanos sem problemas e cartão de crédito.
    A noite é perigoso? Tem alguma baladinha que indicaria? Algo além de comer para sair a noite? rs.
    As dicas que você deixou são ótimas! Parabéns!

  12. Oi Debora,
    A orla de San Andres, bem no centro, tem restaurantes bacanas (e um monte de fast food também). Eu comi num tailandes divino, que recomendo muito, mas não sei se ainda existe. A Isabella dá dicas de restaurantes em Cartagenas aqui: http://asviajantes.com/viagem/cartagena-uma-viagem-pela-historia-em-muitas-cores

    Beijos e boa viagem.

  13. Ola Reba,
    Vamos para San André e depois para Cartagena na próxima semana ( 14/01/2013).
    Adorei as dicas!
    Gostaria de algumas dicas sobre bons restaurantes.
    Beijos

  14. Olá Reba, estou indo em Março pra San Andres em lua de mel e adorei suas dicas, certamente serão úteis. E não vamos esquecer de marcar o tal Rock Kay. Vi umas fotos e achei fascinante. Depois te conto a experiência.

  15. Ai meu Deus!! Vou parar de ler seus posts, antes que eu morra de depressão nessa neve! Faz um post sobre a Sibéria ou sobre o Alasca, Reba, para eu ver que tem gente passando mais perrengue ainda do que eu no frio! 😉
    Bjssss

  16. Oi Polyanna,
    Eu me senti enganada sim. Criei uma super expectativa e o hotel muito abaixo do que eu esperava.
    Além disso, ele é distante do centro. Se você quer um clima resort eu recomendo procurar os que ficam no centro que, além de melhor localizados, são mais novos.
    Beijos!

  17. Ola,adori seu post!
    Estavamos a fechar com o cocoplum, as agora fiquei em duvidaa! Ficaremos 10 dias e sou muuuito alergica, os quartos realmente sao muito velhos? As fotos enganam mesmo? Rs

    Beijos

  18. Oi Alex,
    Tenho certeza de que você não vai se arrepender. San Andrés é um paraíso! (Embora eu tb tenha amado Cartagenas, mas são cidades com perfis diferentes, dá uma olhada: http://asviajantes.com/viagem/cartagena-uma-viagem-pela-historia-em-muitas-cores). Infelizmente eu não tenho indicação de hotel no centro para ajudar. Como eu disse, fiquei no Cocoplum, que eu não recomendo porque fica longe do centro e eu achei que o preço não compensou o que o hotel oferece. Mas eu sei que o centro tem várias opções mais baratas. Você já olhou nos sites de busca de hotel?
    Esperamos suas dicas super atualizadas!
    Beijos

  19. Olá Reba,
    Parabéns pelo post, está muito bacana! Estava na dúvida se passava o Reveillon em San Andrés ou Cartagena, após ler seu post está mais que decidido, sem dúvida nenhuma vou para San Andrés passar 1 semana e aproveitar todas suas dicas e trazer atualizações para você. Sabe me dizer se tem alguma pousada ou hotel legal no centro da cidade. Tenho perfil bem parecido com o seu no quesito hospedagem….quero um local bacana e limpo apenas para dormir, um café da manhã. Não sou muito chegado nesses hotéis com super estruturas até porque sei que não vou aproveitar como deveria, gosto mesmo de explorar o local e aproveitar o máximo do local. Pode me dar essa dica de onde me hospedar? Abraços, Alex

  20. Oi Norma,
    Eles ficaram no Decameron Aquarium, que fica no centro da cidade. O Decameron Marazul e o Decameron San Luis ficam um pouco distantes e você vai precisar pegar um táxi ou ônibus quando quiser sair do hotel. Mas todos ficam de frente para o mar e tem aquele esquema de praia privativa que normalmente os resorts têm.
    Sobre Cartagenas, eu adorei! É uma cidade histórica muito bonita, com uma muralha impressionante e casas coloridas lindas. Eu acho que se você tiver a oportunidade vale a pena sim. Dá uma olhada em mais dicas de Cartagenas aqui: http://asviajantes.com/viagem/cartagena-uma-viagem-pela-historia-em-muitas-cores

    Beijos

  21. Olá!

    Sabe dizer em qual Decameron seus amigos ficaram e gostaram, pois vi q há vários:
    Decameron Aquarium
    Decameron Los Delfines
    Decameron Marazul
    Decameron San Luis

    Acha q vale a pena ir a Cartagena? qtdos dias?

    Obrigada,

    Norma

  22. Oi Camila,
    Eu não lembro o nome do restaurante tailandês mas ele fica na orla principal, que não é muito grande. Caminhando por lá você certamente vai achar!
    Beijo

  23. Olá, vc se lembra o nome do restaurante thailandes ou tem alguma referencia quanto à localização ??L

  24. Novamente… Gostaria de ter uma nocao quais lojas de (apple, hp..) e roupas (tommy..) tem la, sabem me dizer?

  25. Oi Gabriela,
    O Decameron é ótimo pra quem quer curtir a estrutura do hotel porque é um all inclusive com todas aquelas mordomias e atividades – snorkel, todo o tipo de recreação pra crianças, salão, enfim, tudo que vc encontra num resort. Se você não pretende ficar muito no hotel e vai apostar em passeios por conta própria pode ser uma boa economizar na acomodação pra poder gastar em outra coisa. É verdade que os outros hotéis são mais simples mas se o seu objetivo é só dormir eu acho que você não terá muito problema.
    10 dias é bastante tempo porque a ilha é pequena. Mas eu adoraria te ficado esse tempo pra conseguir ir a Providência, a ilha vizinha. Dá uma pesquisada, eu acho que vale a pena.
    Sobre as lojas, quando eu fui elas funcionavam mais ou menos como no free shopping mesmo. Uma grande loja com várias marcas dentro. Os produtos não variavam muito do que você no free shopping dos aeroportos.
    Beijos

  26. Boa noite,
    Estou programando ir em maio com meu namorado e ficar no decameron. Nao ficaremos mto no hotel, mas pelo q li, eh melhor ficar nele do que noutros com pouca estrutura.. O q acham?
    Pretendo ficar uns 10 dias. Acham ideal ou mto?

  27. Gisele,
    O período de chuvas é de setembro a dezembro mas lá é uma ilha caribenha com variações constantes no clima.
    Basicamente vc depende mesmo de sorte pra conseguir ter todos os dias de sol durante a sua estada. Não dá prever muito.
    Eu reservei direto no site do Cocoplum mas o booking.com e hoteis.com são sempre boas opções.

    Beijos.

  28. Olá,..

    Li a hostória da sua viagem e me interessei muito.
    Planejo ir no final de julho de 2012, você sabe como é o tempo por lá, costuma chover muito?

    Por onde fez as reservas do hotel?

    Obrigada.

    Gisele

  29. Oi Jonas,
    Obrigada pelo elogio. Se você puder voltar aqui com atualizações nós ficaremos muito felizes.
    Um beijo e boa viagem!

  30. Cara Reba,Parabéns pelo Blog.Está maravilhoso!!
    Eu e minha mulher estamos indo amanhã para Colombia.Adorei as dicas de San Andrés e vou aproveitar todas.Ia ficar no Cocoplum,mas depois que li seus comentários mudei de Hotel.Apesar de que não sei se saí do espeto para cair na brasa,rsrs.Quando voltar conto como foi.Blog como o de vocês,são quase de utilidade pública,rsrs.É uma ajuda importante.Adorei.Abraços.

  31. Olá Demetrius,
    Sobre o melhor hotel e restaurante tudo depende do tipo de turista que você é e dos seus gostos pessoais. A ilha tem uma ótima estrutura turística com muitos resorts e hotéis menores também. O mesmo vale pros restaurantes. Nós fomos de Avianca mas a Copa e a Lan também voam. Todas com escalas.
    Beijos

  32. Olá, gostaria de saber mais detalhes sobre a ilha, qual o melhor hotel para se hospedar, os melhores restaurantes e qual empresa aerea para se chegar lá ?
    Grato,
    []’s.

  33. Oi Marcelo,
    Quando eu estive lá o forte eram os eletrônicos, bebidas alcoólicas, maquiagem, enfim, essas coisas de free shopping mesmo. Mas eu tenho certeza que no centro você também vai encontrar lojas das principais marcas internacionais.
    Boa viagem!
    Beijos

  34. Olá gente. Estou indo para san andres nessa semana. E estive lendo alguns posts e estou super animado. Gostaria de saber de lá te lojas de roupas bacanas? E quais são? Agradeço a a ajuda. Abraços

  35. Olá Reba muito obrigado pelas dicas,vc saberia me informar aluma pousada? eu vou sozinho e não quero nada de luxo mas uma coisa legal,se souber me passa o endereço.e-mail: falconiricardo@hotmail.com.
    Grato!!!

  36. Olá,
    Adoro eletrônicos e os EUA possuem grande vantagem nisso, estarei na cidade a partir do dia 26 até o dia 02, existe eletrônicos baratos em San Andres? O foco maior é em perfumes e cosméticos?

    Obrigado!!!

  37. Alexandre isso é que é começar o ano com o pé direito.
    Boa viagem.

  38. Reba, bom dia !!
    Há uns 5 anos venho querendo conhecer esse local maravilhoso e sempre acabo fazendo outro roteiro. Resolvi conhecer definitivamente esse paraíso agora em Dezembro. Viajo para lá no dia 26 para ficar 6 dias, ou seja, passo o Reveillon por lá que deve ser muito legal !!! Já tenho carteirinha de mergulho e tenho certeza que vou me divertir por lá !! Parabéns pelo site e pelas dicas.
    Bjs

  39. Ricardo,
    Nós estivemos em maio e o tempo estava ótimo mas a variação do clima pode ser intensa lá.
    A cota de 500 dólares é do governo brasileiro. Ou seja, não importa se vc faz compras em San Andrés ou nos EUA. Se comprar mais do que isso por pessoa terá que declarar as mercadoria e pagar o imposto quando voltar ao Brasil.
    Boa viagem. Beijos

  40. Gostaria de saber se o clima em Maio é bom, se faz calor tb.Grato!!!

  41. OLá gostaria de saber se existe uma cota de mercadorias para trazer de San Andres.Eu vou em maio de 2012 e vou aproveitar para fazer umas comprinhas.Se alguém souber me avise por favor.
    Grato!

  42. San Andres é mesmo muito linda!!! Praias lindas, perfumes, bebidas, suplementos e cosméticos em geral muito baratos… enfim, é o paraíso. Eu e o meu marido fomos em agosto e adoramos! Provavelmente voltaremos em março ou abril de 2012. Não deixem de conhecer o restaurante Terraza Portobelo,pois lá tem pratos de mariscos maravilhosos, e o dono é um brasileiro, que inclusive tem hotéis tb.

  43. Oi Sandra,
    Acho que o carrinho de golf pode resolver bem a sua vida.
    Caso você ache muito complicado vc pode fazer um acordo com um taxista e fechar uma espécie de pacote pra todos os dias. No centro há muitos que fazem isso.
    Sobre o hotel, ele me pareceu mais velho do que eu realmente esperava. Mas nós adoraríamos se voce voltasse aqui e contasse como foi sua experiência.
    Mas não se preocupe, você vai adorar San Andrés.
    O lugar é lindo demais.
    Beijos e boa viagem.

  44. Bom dia, Reba!
    Embarco para San Andrés na próxima quinta e também só fico 3 dias. Infelizmente não li seu post antes… Queríamos um hotel “na areia” e pelas fotos o Cocoplum Hotel parecia uma ótima opção. Estou super preocupada pois vc disse que não é o que as fotos mostram, além de ser longe e ter um alto custo de transporte (que no meu caso não vai ser diluído em quatro). Se alugar aqueles carrinhos de golfe consigo ir p/ centro a noite?
    Gostaria de uma dica a este respeito (se tento cancelar minha reserva ou fico lá mesmo. Aliás comprei o hotel com café da manhã, é enrrolação?
    Adorei seu post, é bem completo.
    Bjo

  45. Oi Dani,
    Não passei não. Eu não vi eles praticarem preços diferentes para turistas e moradores. Na maioria das lojas vc encontra o preço bem visível, então é bom dar prioridade pra essas lojas onde vc já entra sabendo o quanto vai pagar.
    Beijos e ótima viagem!

  46. Oi Reba

    Estou indo pra SA no sábado, andei olhando nos sites de lojas locais e vi que os valores das mercadorias são muito tentadores, porém tenho dúvida se na hora da compra existirá diferença de valor para turista, do tipo, vou trocar $$ por COP, e comprar me COP mesmo, você passou por algo parecido?

  47. Oi Margarida,
    Aqui na América do Sul nos não temos muitas variedade de empresas lowcost.
    Se vc vai viajar por varios paises o melhor eh fechar os trajetos com a mesma cia que vai fazer o seu voo principal. Deste jeito vc consegue alguns descontos nas tarifas. Lembre se que apesar das grandes distancias, alguns paises tem boas empresas de onibus e viajar por terra pode ser uma boa opcão se vc tiver muitos dias de ferias.
    Beijos

  48. Oi,

    Parabéns adorei o site e este post em particular, gente tou partindo para uma viagem á America do Sul e adorei a escolha do roteiro parece muito interessante e as dicas aqui deixadas também. O que ainda não percebo é como funcionam as agências de LowCost Americanas alguèm me podia ajudar, quais são as melhores agências? que preços e que praticam? e que Voos é que fazem?

  49. Voltei de San Andres dia 15/10/2011. Maravilhoso! Eu e minha esposa adoramos, foi uma escolha excelente para a lua de mel.

    A dica que fica sobre o dinheiro é levar dólares comprados aqui e trocar por pesos no “Bancolombia”, que é como o “Banco do Brasil” para nós. É a melhor taxa de câmbio que você vai achar. Fica no centro, perto da “peatonal” (calçadão). Se não encontrar pergunte no hotel ou para um guarda, é fácil. Mas não esqueça de levar o passaporte no banco, senão não troca.

    Não deixem de fazer o mergulho lá, parece que você está sonhando. Sabe “Procurando Nemo”? É igual!!

    Só tem um problema: depois de ir pra lá não tem mais como ir a alguma praia no Brasil. rsrs

  50. Oi Cinthia,
    Tenho certeza de que vc não vai se arrepender, San Andres é linda demais! Olha, eu não fui em todas as praias da ilha (óbvio!) mas nas que eu estive era impossível surfar. Embora eu não entenda nada de surfe eu não vi uma ondinha sequer (nem daquelas bem marolinhas…)
    Melhor dar uma procurada em um site especializado.

    Beijo!

  51. Adorei o post! Irei no Ano Novo para lá! Você saberia me dizer se é verdade ou lenda que há como surfar na Punta Sul da Ilha?
    Abs!
    Cinthia

  52. Oi André,
    Dólares e euros são facilmente trocados por lá. É provável que vc encontre dificuldade de encontrar pesos pra trocar no Brasil e como pra gte a cotação do dólar costuma ser melhor que do euro eu sugiro que vc leve a moeda americana mesmo. Há muitas casas de cambio no centro.
    Beijos

  53. Olá!!!

    Qual é a dica que vcs podem dar sobre o dinheiro a ser utilizado por lá?

    Além do cartão, pensei em levar um pouco de dolar e um pouco de peso (se conseguir comprar por aqui).

    Um forte abraço!

  54. Olá Renato,
    Pode levar cartão, ele é bem aceito em lojas, restaurantes e hotéis. Mas claro leve também dinheiro porque, principalmente nos passeios de barco, as paradas são feitas em bares e pequenos restaurantes que só aceitam cash.
    Beijos

  55. Olá.. é fácil usar cartão em San Andrés ou é melhor reservar dinheiro pra pagar tudo?

  56. Nossa San Andrés é muuuuuito legal! Um pouco cara na época alta (Dezembro – Fevereiro mas em época alta, qual lugar paradisíaco não é? A minha esposa é Colombiana e por isso viajamos para ou pra San Andrés ou Santa Marta todos os anos em dezembro. San Andrés é gostoso por muita coisa mas tenho que salientar a comida e…a qualidade da festa na praia. Dançando vallenato com uma cerveja bem gelada qualquer um se delicía com essa ilha descoberta nos anos 1500. Valeu pelo post. Muito informativo.

  57. Simplesmente maravilhoso. Só pelas fotos já estou ansiosa por conhecer. Vamos ver o orçamento de férias desse ano 😀

  58. Obrigada Reba.

  59. Oi Marcela,
    Eu sempre prefiro montar minhas viagens por conta própria. Aliás, essa viagem pra San Andrés teve um roteiro muito parecido com o seu: estivemos em Lima, norte do Peru, Machu Picchu e depois Bogotá, Cartagenas e por fim San Andrés. Fizemos tudo por conta própria sem dificuldade. Você terá apenas que pesquisar se há voos de Cuzco para Bogotá. Caso não haja você terá que ir até Lima para voar pra Bogotá e de lá pra San Andrés. Nós fizemos esses trechos de Avianca, que era mais barato.
    Se vc tiver tempo eu sugiro uns dias em Bogotá, já que vc terá mesmo que fazer escala por lá.
    Aqui a gte fala das dicas pra lá:
    http://asviajantes.com/viagem/a-surpreendente-e-cosmopolita-bogota

    Beijos

  60. Oi Reba, estou montando uma viagem para Machu Picchu e pensamos também em ir até San Andres. Vc aconselha procurar uma agência para montar o pacote ou acha que dá para organizarmos tudo (passagens, hospedagem, passeios) sozinhos?

  61. Estamos indo, eu e meu marido, dia 05 de outubro! Serão 10 dias no lugar mais lindo do mundo! Essa era uma viagem que iríamos fazer ano passado, mas não deu…
    Assim que voltar venho aqui contar o que houve.

  62. Oi Patrícia,

    Acho que com crianças pequenas o Decameron é uma ótima pedida. Eu conheço duas pessoas que foram com os filhos e aprovaram as instalações.

    Como você vai com um bebê é bom dar uma atenção especial ao protetor solar, chapéu e afins. Isso porque o sol é forte e em algumas praias não há sombra.

    Água também é item essencial. Dependendo da praia não há onde comprar.

    Boa viagem e volte pra contar como foi.

    beijos

  63. Seu post esta muito bom!!!!! Nos fechamos o pacote pra ir em setembro… o problema eh que estou indo com uma crianca de 1 ano e 10 meses (tera na epoca), estou morrendo de medo da estrutura… ficaremos no decameron… vc acha que me arrependerei da opçao escolhida?????
    Se puder me dar uns toques agradeço…
    Patricia
    p.reobol@terra.com.br

  64. Concordo com a Gabi, a Aerorepublica esta com ótimos preços.. eu estarei de férias em Agosto e já reservei minha passagem e hotel. Não vejo a hora de conhecer esse paraiso. Conheci Fernando de Noronha o ano passado mas acho que nem se compara a San Anres.. Abraços

  65. A Aerorepublica está com preços imbatíveis na Colombia. E dá para comprar direto do site deles, daqui do Brasil, usando cartão de crédito brasileiro e pagando em pesos colombianos. Acabei de fazer isso!!

  66. Oi,
    A gente fez tudo de avião dentro da Colômbia por causa do pouco tempo. Bogotá-Cartagenas-San Andrés-Bogotá pela Avianca, que na época tinha preços mais em conta pra quem voasse mais de uma perna com eles.

    Beijos

  67. San Andrés é maravilhoso mesmo…, o problema são os custos para se chegar até lá! Se os vôos partissem da Nicaragua talvés seriam mais economicos. Qual foi a forma que vocês utilizaram pra cruzar de bogotá até lá!? Foram de onibus ou avião até Cartagena?! E de lá!? Abração e ótima matériA!

  68. Já estou pensando quando terei dias para conhecer esse paraíso.

  69. Mesmo quem não gosta de praia gosta de San Andrés.

Deixe uma resposta

Você pode usar estas tags xHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <blockquote cite=""> <code> <em> <strong>